Entenda sobre Lubrificação Vaginal, Corrimento e Saúde!

mulher com as mãos cobrindo a região da vagina

Você sabe como reconhecer a lubrificação vaginal comum de um corrimento? Hoje vamos descobrir!

E para tratar sobre o assunto selecionamos uma dúvida enviada pela Heloísa que diz o seguinte:

“Como reconhecer a lubrificação comum de uma infecção vaginal, todo o corrimento é em razão de uma DST? O que é a clamídia?”.

– Lubrificação vaginal normal e saudável

Primeiro o que é uma lubrificação vaginal: toda mulher possui lubrificação vaginal todos os dias, essa lubrificação varia de mulher para mulher, varia de dia para dia, varia nas várias fases do ciclo menstrual, e geralmente ela é límpida, é transparente, é descolorido, não possui odor, não causa incômodo, não causa coceira, ela faz parte do funcionamento da fisiologia natural da mulher.

A lubrificação vaginal aumenta no momento das preliminares sexuais e é um item importante para facilitar a penetração do parceiro, em caso de mulheres que tenham dificuldade em gerar essa lubrificação recomendamos o uso de produtos para este propósito, é possível encontrar um estimulante sexual feminino no Saudáveis.net.

– Corrimento

Em algumas fases da vida da mulher, essa secreção vaginal comum, essa lubrificação vaginal pode por acaso começar a exibir algumas modificações, e aí a gente pode ter a caracterização de um corrimento; muda a coloração, muda o semblante, muda a porção, muda o odor; pode provocar coceira, pode provocar incômodo, tudo isto sinaliza para a gente que alguma coisa não está legal, é bom nesse hora a garota ou mulher pedir a avaliação de um médico ginecologista, que vai avaliar o que está acontecendo, que corrimento é este e como cuidar.

– Casos de DST e corrimento

A Heloísa questiona ” todo o corrimento é obrigatoriamente transmitido pelo sexo? é uma DST? (giv.org.br/DST/O-Que-são-DST/index.html)”; não, nem todo o corrimento é uma DST, várias vezes os homens e as mulheres tem uma série de microrganismos que vivem dentro da gente; quer dizer, curiosamente a gente possui mais micro-organismos convivendo com a gente, que células, por isso a gente é na verdade um verdadeiro ecossistema de uma série de micro-organismos, que compõe a vida da gente, em algum situação estes micro-organismos (protozoários, fungos, bactérias) são capazes de conquistar força, vencer as respostas imunológicas do nosso corpo, e causarem uma infecção.

Diversas vezes essas infecções ou corrimentos, são ocasionados por organismos que já vivem e convivem com a gente, por isso independente de ser uma DST ou de não ser uma DST, precisa buscar um médico, para ele cuidar e prescrever um antibiótico, ou um medicamento mais adequado para cuidar aquela situação de corrimento.

– Cuidados com a saúde sexual

E nesse hora de tratamento é fundamental que o teu parceiro ou parceira também receba um tratamento, e que nesse período vocês se protejam ainda mais na hora do sexo. Se vocês são um casal que já não usa preservativo, que fez os testes, que possui uma relação mais estável, nessa hora pode ser uma ótima ideia vocês voltarem a utilizar preservativo para evitar as infecções.

É importante a mulher sempre incentivar o homem a cuidar de sua saúde sexual, explique para o parceiro o que é estimulante sexual masculino, como usar suplementos para melhorar a performance, como melhorar as preliminares, e principalmente como se preservar de doenças!

– O que é Clamídia?

Para concluir vamos abordar sobre o que é a clamídia: é uma bactéria considerada uma DST, a propósito uma das DSTs mais comuns aqui no Brasil, e nos Estados Unidos é considerada a bactéria que mais causa enfermidade transmitida pelo sexo.

Ela pode habitar por um tempo a região da vagina, do útero, das tubas uterinas, e ela pode ser assintomática, a mulher se contaminou com a clamídia, não sabe que se contaminou e passa meses ou até anos convivendo com a clamídia, pode passar para seu parceiro, e seu parceiro pode passar pra ela, e a clamídia no caso de não tratada pode provocar a transtornos que no futuro impactam a fertilidade, a capacidade da mulher conseguir emprenhar.

Então se você teve uma relação sexual suspeita em um época da sua vida sem proteção, procure um médico e busque uma verificação, busque um tratamento mais apurado para se preservar e também o seu parceiro ou parceira.

Matéria sobre lubrificação vaginal

Dica de matéria muito bem explicativa no programa Mulheres.

Gostou deste reportagem? Então compartilhe esta reportagem com seus amigos!